menu >
Georg Brintrup logo

Poemi Asolani


POEMI ASOLANI

O compositor Gian-Francesco Malipiero

cena do filme POEMI ASOLANIFilme televisivo (formato média-metragem) a vida do compositor italiano Gian-Francesco Malipiero contada com sua música.


"Poemi Asolani" é um título de uma composição de Malipiero, veneziano de nascença que viveu grande parte de sua vida em Asolo, no Vêneto. Para o acompanhamento da ação fílmica foram escolhidos partes de música instrumental. O verdadeiro protagonista do filme é a música de Malipiero. Cada enquadramento tem, do início ao fim, um número preciso de tempos ou notas musicais. A ação dos atores e os movimentos da câmera foram regulados segundo os tempos e ritmos das peças musicais. E, como na origem da música estavam os rumores, no filme os rumores têm o mesmo valor da música. O som direto foi quase sempre deixado no mesmo volume da música.


VEJA O FILME EM STREAMING NO VIMEO (VERSÃO EM ITALIANO)

ITALIA, 60', 16mm, cor
Produção: WDR Westdeutscher Rundfunk Köln / Brintrup-Filmproduktion Rom

INTÉRPRETE Philippe Nahoun, Mario Perazzini, Lucia Casagrande, Mario Perazzini, Pino Costalunga, Giovanni Todescato, Roberto Giglio, Roberto Cuppone, Giovanni Bari, Mauro Sassaro, Giuliana Barbaro, Paola Guccione, Alberto Olivieri, Alessandro Bertorello, Maurizio Carlotto, Andrea Poletto
NARRADOR Gino Donato
MÚSICA Gian-Francesco Malipiero, Igor Stravinskij
MAESTROS Reinhard Peters e la PHILARMONIA HUNGARICA
OBRAS MUSICAIS San Francesco d'Assisi, Impressioni dal vero, La bottega da café, Poemi Asolani, Pause del silenzio, Rispetti e strambotti, Prima sinfonia, Sesta sinfonia, Le Sette Canzioni, Settima sinfonia; e de Igor Stravinskij "Le Sacre du Printemps" dirigido por Hermann Scherchen
FOTOGRAFIA Emilio Bestetti
CÂMERA Giorgio Aureli
SOM Hans Peter Kuhn
MIX ÁUDIO Adriano Taloni
MAQUINISTA Sergio Gatti
ILUMINAÇÃO Pino Meloni
SCRIPT Carlo Carlotto
ASSISTÊNCIA Andrea Canetta
FIGURINOS Flaminia Peetrucci, Paola Guccione
COORDENADOR DE PRODUÇÃO Giampietro Bonamigo
MONTAGEM Carlo Carlotto
ROTEIRO E DIREÇÃO Georg Brintrup
REDAÇÃO Manfred Gräter
PRODUÇÃO Brintrup-Filmproduktion, WDR
ESTREIA TV WDR 3 - 5.10.1985
RETRANSMISSÃO RAI 3 - 9.9.1995
FESTIVAIS Prix Italia 1985; Salsomaggiore 1986; 'Premio per la migliore fotografia', Festival Internazionale d'Oriolo
GALERIA COM FOTOS DO FILME